Cave du Marmandais, Côtes du Marmandais AOP Cuvée La Vieille Eglise Réserve 2015

  • País
    França
  • Região
    Sud Ouest
  • Apelação
    Côtes du Marmandais AOP
  • Produtor
    Propriétaire, récoltant
  • Vinícola
    Cave du Marmandais / Cocumont
  • Tipo
    Tinto
  • Safra
    2015
  • Composição
    40% Merlot, 30% Abouriou, 30% Malbec
  • Volume
    750ml
  • Grad. Alcóolica
    13,5%vol.
  • Temperatura Ideal
    16/18°C
  • Açucares totais
    1,6g/l
  • Acidez volátil
    9,0meq/l
  • Ph
    3,60
  • Comercialização
    Vinhos Everest @lesrefletsduterroir @vinhos_franceses
Notas
Com aromas de frutas vermelhas e notas de baunilha e caramelo, o nariz é atraente. Em boca, revela-se "suave" e poderoso ao mesmo tempo. Estruturado com taninos densos e um belo frescor que proporciona um final longo. Um vinho intenso que nos permite descobrir a autêntica casta deste terroir: Abouriou.

Sobre o Produtor

"O vinho tem a virtude de nos fazer falar livremente e com franqueza"!

A Cave du Marmandais, apelação "jovem e dinâmica" (obteve sua apelação em 1990) situa-se na região do Sud-Ouest. Com a colaboração de seus vinicultores, tem por objetivo oferecer vinhos autênticos, para compartilhar...vinhos que refletem a gastronomia e a arte de viver bem desta região.
Cave du Marmandais foi criada em 2003 com a fusão de uma Cave da margem direita da Garonne e outra da margem esquerda. A coluna vertebral desta apelação é a Garonne.

Os AOC ou AOP tintos (Apelação de Origem Controlada ou Apelação de Origem Protegida) da Cave du Marmandais, desenvolvem aromas de frutas vermelhas e negras; alguns são frutados, macios, generosos e encontram sua plenitude quando jovens...outros possuem caráter, tipicidade, amplitude em boca e atingirão maturidade com 5 ou 10 anos.

O vinho não é sómente vinho, é também uma história de Homens e alquimia. Atráz de cada garrafa produzida, existe uma aventura humana feita de paixão, trabalho árduo, investindo-se em valores, cuidados e respeito em relação à biodiversidade.

Os 90 vinicultores e 44 funcionários que compõe a Cave du Marmandais, não possuem sómente um sotaque regional encantador, mas uma alma. Apaixonados pela profissão, possuem uma contagiante vontade de compartilhar "savoir-faire" e cordialidade.

Da vinha até a taça, a força e a presença dos Homens são trunfos para criar "cuvées" (ou vintages) únicas e reflexos da identidade regional. Com humildade e forte objetivo comum e solidário, esses Homens tem a ambição de transmitir personalidade em seus vinhos assim como transmitir as magníficas características do terroir e o "perfil" das castas desta região.

Graças à complementaridade do terroir, Côtes du Marmandais possui diversas castas; castas clássicas como Merlot, Cabernet Sauvignon ou Cabernet Franc, mas também castas regionais típicas como Abouriou, Syrah e Malbec. Encontram-se também castas brancas como Sémillon e Sauvignon.

O cépage (ou casta) Abouriou, rara e única, é originária da região do Lot e Garonne (dois rios próximos à Dordogne). Ameaçada de desaparecer durante o século XX, esta casta foi salva por vinhateiros do Sud-Ouest, que criaram em 2004 um instituto para estudá-la e preservá-la. Abouriou é uma casta precoce com múltiplas qualidades. No final do outono, suas folhas avermelhadas são fácilmente reconhecíveis. Na taça, ela oferece uma cor profunda e intensa; no nariz, aromas de frutas negras e textura aveludada com taninos sedosos.
Abouriou é complementar em "assemblages" (ou cortes) e procura neste terroir, há dezenas de anos, sua subsistência, ao longo do rio Garonne. De um lado, na margem direita (solo composto de melaços argilosos e calcário) onde desabrocha Merlot e Abouriou. Na margem esquerda, em terras arenosas e pedregosas, com inúmeros sedimentos marinhos, encontramos as outras castas do vihnedo Côtes du Marmandais.

Basta um clique nas imagens para ampliá-las.

Harmonizações

Confira mais Sugestões